OPPS - MINERAÇÃO, CONSTRUÇÕES, INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA
.

    A OPPS foi criada em 1971, em Cachoeira do Campo, Distrito de Ouro Preto. No Início, produzia peças entalhadas em Pedra Sabão e mantinha uma linha de laminação de chapas e ladrilhos para revestimentos e pisos.
Ao Longo dos dez primeiros anos, em parceria com representantes e distribuidores, atingiu escala através da produção, venda e instalação de fontes, painéis, chafarizes, portais, molduras para portas e janelas, balaustrada e lavabos coloniais.

    Em 1982, iniciaram-se as exportações, para EUA e Europa, de kits completos para revestimentos de fornos para aquecimento doméstico, além de peças artesanais e produtos manufaturados. Nos últimos anos, a OPPS passou a exportar a sua linha quente, já comercializada no mercado brasileiro, composta de panelas, frigideiras, grelhas e pratos de pizza.

    Hoje, aos 38 anos, a OPPS está aberta a novas parcerias com indústria, designers, arquitetos e decoradores, visando ao desenvolvimento e à criação de novos produtos de pedra-sabão, em linhas ilimitadas de estilo, formas e conceitos.

    A OPPS acredita no desenvolvimento sustentável, e visando ao futuro, vem investindo na preservação ambiental e na restauração das áreas degradadas após a extração da pedra-sabão. A empresa possui um departamento de pesquisa específico para busca de novas jazidas, garantindo matéria-prima para os próximos cem anos. São duzentos e sessenta funcionários e cinco jazidas em operação de onde são extraídas pedras com características variadas. A OPPS desenvolve novas tecnologias para manter a posição de maior exportadora de pedra-sabão do país, transformando Cachoeira do Campo em grande pólo de beneficiamento do produto no Brasil.